Respeitem os gordos

Padrão
gordo é lindo

respeitem os gordos

Leiam o texto da Clara Averbuck:

http://resistir.braletteboutique.com/clara-averbuck/

Sabe Clara, eu te entendo.É um conflito diário, entre o que querem da gente e o que a gente é. Eu convivo com essa luta de poder ser feliz com o corpo que me carrega a quase 40 anos e o padrão exigido. As vezes consigo ser tão feliz e esqueço que não sou magra. Aí vou comprar uma roupa e fode tudo. Porque o G e as vezes o GG são na verdade um M para o meu biótipo. Quando eu era mais nova era pior e eu me criei ouvindo que com essa minha “cara linda” e esse “meu temperamento alegre” nunca ficaria sozinha. Achei que ter casado me desse um condicional, que nada. A gente não para nunca de ser cobrada. O papinho de ter saúde muitas vezes mascara a gordofobia alheia. Óbvio que eu me cuido, óbvio que eu busco ser saudável. Mas tudo isso sendo gorda, gente! Entendam. Aceitem. Somos seres únicos e DIFERENTES.Metabolicamente diferentes.Vamos cuidar de nós mesmos?Respeitem os gordos, pessoal.

Anúncios